Entenda os pontos fortes e fracos da farmácia para planejar 2019

O planejamento do negócio envolve analisar os pontos fortes e fracos da farmácia para otimizar as atividades e sempre manter o desenvolvimento da empresa mês a mês. É preciso analisar todos os fatores de sucesso, saber o que precisa ser melhorado e o que precisa ser mantido.

Na hora de fazer o planejamento da drogaria para 2019, para analisar os pontos fortes e fracos da farmácia, deve fazer a análise SWOT, que em inglês significa FOFA (Forças, Fraquezas, Oportunidades e Ameaças).

Ao sentar para analisar essas questões você e sua equipe devem incluir tanto fatores internos, como processos, por exemplo, quanto externos, como a atuação dos concorrentes ou a possibilidade de haver um novo concorrente na região.

Principalmente em farmácias de menor porte, o faro do empresário ainda é muito forte para a tomada de decisões. É preciso compartilhar o planejamento da drogaria com mais pessoas da equipe e desenvolver as decisões com base em dados da loja. Só assim é possível fazer melhorias, pois se sabe onde esta e onde se quer chegar. Ou seja, quando os pontos fortes e fracos da farmácia para trabalhar com metas e planos de ação no ano seguinte.

Quando falamos de analisar os pontos fortes de fracos da farmácia é essencial parar por certo tempo para analisar os resultados do que foi feito em 2018 e projetar as melhorias para 2019. Para isso, é preciso ter clareza do que se espera. Analisar os trabalhos realizados, os concorrentes e entender bem os hábitos do consumidor podem auxiliar a tomar o primeiro passo: traçar as metas a serem alcançadas.

9 dicas para desenvolver a gestão financeira da farmácia com eficiência

Inúmeros fatores externos interferem diretamente nos negócios. O empresário precisa estar atento e preparado para interpretar todas as situações. Só assim é possível estar um passo à frente dos concorrentes.

Confira uma lista que pode auxiliar a estruturar os pontos fortes e fracos da drogaria para estruturar o planejamento do negócio para 2019:

Aumento do número de estabelecimentos farmacêuticos no país

O varejo farmacêutico vem crescendo muito e a quantidade de inaugurações de lojas também é muito grande. Por conta disso, é essencial estar atento à movimentação de concorrentes e ter total controle do negócio como um todo. Uma farmácia bem administrada e com estratégia bem definida pode seguir com ótimos resultados, mesmo com a presença de outras drogarias nas proximidades.

Processo de concentração do setor

As grandes redes do varejo farmacêutico têm certa concentração de mercado, mas o associativismo está crescendo muito e as lojas do setor já começaram a chamar a atenção das corporações. O empresário precisa estar atento a essa movimentação para entender os pontos fortes e fracos da farmácia e se planejar financeiramente.

Aumento de custos

O gestor de uma farmácia deve estar sempre de olho nos custos da loja. E isso envolve qualquer tipo de valor que envolva o financeiro da drogaria. Energia, água, produtos de limpeza, reposição de produtos, custos com equipe, entre outros. É essencial acompanhar os indicadores da loja e saber controlar os gastos. Só assim a farmácia terá boa saúde financeira e pode desenvolver outras ações para vender mais ou projetar a montagem de novas lojas.

Competição por excesso de descontos

Um dos grandes erros dos empresários do varejo, que deve ser considerado quando se pensar nos pontos fortes e fracos da farmácia, é a briga por descontos aos consumidores. Não estamos falando que não se deve oferecer descontos e um preço baixo para conquistar a clientela. É fundamental que exista uma estratégia de precificação com base na curva ABC e no CMV da loja. Uma drogaria sem estratégia certamente terá problemas financeiros no futuro.

Saiba como divulgar a farmácia com sucesso

Diversificação do mix de produtos

Toda drogaria deve oferecer um bom mix de produtos aos consumidores. Assim se evita a ruptura de estoque e o consumidor sempre encontra o que busca na loja. Lembre-se que não ter o item que o consumidor procura pode levá-lo a buscar em outra farmácia e isso é um dos principais perigos de perda de clientes para os concorrentes.

Saiba como se tornar um expert em vendas na farmácia

Esse é um fator fundamental para definir os pontos fortes e fracos da farmácia.

Insatisfação dos clientes

Atender as necessidades do consumidor é uma das principais necessidades do atendimento no balcão. E esse deve ser um objetivo muito claro para todos que trabalham na loja. Como gestor, o ideal é trabalhar a capacitação da equipe para incorporar esse valor como uma cultura da empresa e sempre manter excelência na qualidade do atendimento na farmácia.

Condição de negociação com os parceiros

O relacionamento do setor de compras da farmácia com os parceiros é muito importante. Ter boas condições de compra com os fornecedores é um dos grandes diferenciais que se pode construir no varejo farmacêutico. Busque manter sempre uma boa relação e o networking com a equipe de representantes que atende a sua loja.

Ações de marketing dos concorrentes

Como já falamos, a concorrência entre as drogarias mais próximas é muito grande. E isso deve ser um dos principais fatores para definir os pontos fortes e fracos da farmácia.

Fique atento às ações dos concorrentes, mas não se esqueça de manter sua estratégia bem definida e analisá-la com frequência. Isso é fundamental para o sucesso da farmácia.

Rotatividade de funcionários

A entrada e saída de funcionários é um grande desafio para a empresa. Capacitar e treinar novos colaboradores requer tempo, tanto para a contratação quanto para que a pessoa comece a desempenhar as atividades com maestria.

9 dicas sobre gerenciamento por categoria para aumentar as suas vendas

Busque conhecer o mercado da região para alinhar as atividades e pagamentos à sua equipe. A cultura corporativa deve desenvolver as pessoas e buscar o crescimento de todos dentro da empresa. Leve isso em conta para fazer o planejamento e pensar os pontos fortes e fracos da farmácia.

Mercado farmacêutico em ascensão

O varejo farma vem crescendo acima de dois dígitos nos últimos anos. Isso é muito importante para fazer o planejamento e pensar o que você deseja para a sua drogaria no ano seguinte. Se o mercado está crescendo, a sua meta de crescimento deve estar pelo menos próxima a esse valor. Se o mercado cresce mais do que a sua drogaria, quer dizer que os concorrentes podem estar tomando espaço da sua região de atuação.

Crescimento dos genéricos

Os pontos fortes e fracos da farmácia devem considerar as vendas de cada categoria. Nos últimos anos, o grupo de genéricos está em alta e deve ser uma tendência para o próximo ano. É hora de analisar o mix de produtos da loja e entender como melhor distribuir as moléculas. Lembre-se que a estratégia de precificação da drogaria deve considerar as diferenças de precificação para cada grupo de produtos.

Conscientização da prevenção e saúde

O crescimento da onda de bem-estar na população brasileira é um fator a ser considerado nos pontos fortes e fracos da farmácia. Hoje muitas pessoas começam a se cuidar com antecedência para evitar o surgimento de doenças. Vitaminas, suplementos e outros produtos agora têm mais penetração e podem se tornar um forte segmento de atuação da sua loja. Vale acompanhar a representatividade desse produto nas suas vendas e fazer ações para divulgar a sua farmácia para esses setores.

Softwares de gestão de drogarias

A profissionalização na administração de farmácia já é uma realidade no país. As vendas a prazo no caderninho do caixa ou o acompanhamento do estoque por uma planilha de controle já são ultrapassados. É preciso estar atento e acompanhar a tecnologia para otimizar as atividades e ter melhores rendimentos, tanto de vendas quanto de tempo.

 

Reserve um tempo na agenda para fazer o planejamento da sua drogaria para 2019. Pense os pontos fortes e fracos da farmácia e colha os resultados de planos de ação bem definidos para o próximo ano!

 




Deixe uma resposta