Publicado por Marketing Farmarcas • 15 de março de 2018

9 dicas sobre gerenciamento por categoria para aumentar as suas vendas

O gerenciamento por categoria é uma estratégia de exposição de produtos na drogaria que ajuda o consumidor a encontrar com mais facilidade o que busca na loja.

Indicadores como a ascensão da classe C e a redução do desemprego influenciaram na nova maneira de viver do cliente da loja. Pela falta de tempo no dia a dia, o cliente tem se tornado cada vez mais objetivo nas compras.

Entenda como o cestão de ofertas pode melhorar as vendas na farmácia

Com a mudança no comportamento do consumidor, as farmácias precisam estar prontas para atender às novas demandas. O mercado farmacêutico tem apresentado amplo crescimento nos últimos anos.

Gerenciamento por categoria: uma nova mentalidade

Muitos empresários do varejo farmacêutico ainda não estão prontos para atender à nova demanda do comportamento do consumidor. Segundo pesquisas, muitas farmácias ainda deixam os MIPS (Medicamentos Isentos de Prescrição) atrás do balcão. Há lojas que ainda possuem cerca de 70% desta categoria distante do consumidor.

Os números mostram que, em média, nas farmácias do Brasil, apenas 10% do espaço de vendas é destinado a essa categoria. É preciso entender que esses produtos têm um potencial muito grande de vendas e devem ser posicionados de maneira que o consumidor tenha fácil acesso a esses produtos.

Confira 9 pontos principais sobre o gerenciamento por categoria:

1 – Escolha de um bom mix de produtos

Um dos fatores mais importante sobre gerenciamento por categoria é o sortimento de produtos da farmácia. É preciso oferecer um bom mix de produtos para que o cliente consiga encontrar tudo que precisa e até mesmo o que lembra de comprar quando ainda dentro da farmácia. Lembre-se que itens relacionados devem estar próximos no decorrer da gôndola. Isso melhora a experiência do cliente dentro da loja.

2 – Trabalhar melhor o Potencial de Mercado

Não é apenas o sortimento de produtos que é importante para uma drogaria. Conhecer o potencial da região é fundamental para planejar a reposição de produtos da loja. É essencial sempre ter produtos em estoque para reabastecer as prateleiras. E entender o potencial de consumo dos itens da farmácia ajuda o empresário a se organizar na compra de medicamentos e perfumaria.

Comprar Bem: estratégias para ter sucesso no varejo farmacêutico

Saber o potencial de mercado é muito importante para organizar a exposição dos itens nas gôndolas. Se o shampoo X vende mais do que o Y, é imprescindível que você tenha mais unidades deste produto na sua prateleira.

3 – Entender a demanda da loja

Sempre falamos que analisar os resultados da loja é fundamental para o sucesso do negócio. Ao entender a saída dos produtos você consegue planejar a compra de novos itens e melhorar cada vez mais o mix de produtos da sua farmácia.

4 – Organizar um espaço dedicado à cada Seção

Muitas farmácias ainda posicionam os MIPs atrás do balcão, sem acesso direto ao consumidor. Isso prejudica muito as vendas dessa categoria. Ter mobiliários que possibilitam melhor exposição desses produtos, principalmente com o gerenciamento por categoria, maximiza o potencial de vendas da loja.

Vale ressaltar que é preciso ficar atento à legislação vigente e as determinações dos órgãos fiscalizadores.

5 – Facilitar o acesso para o cliente

Um mobiliário específico para farmácias permite a melhor exposição dos produtos na loja. Muitos empresários acreditam que simplesmente colocar os produtos na gôndola já é o suficiente. Porém, como vimos, a qualidade na exposição dos produtos aumenta o resultado da loja em até 30%.

Localização dos produtos na gôndola pode aumentar vendas na farmácia

Expor produtos em locais muito altos é um exemplo de erros que podem prejudicar algumas categorias. Além disso, posicionar os produtos de lado também é um problema. O consumidor deve conseguir identificar rapidamente o produto.

6 – Ter um projeto específico do mobiliário 

Um mobiliário específico para farmácias ajuda a melhorar o resultado do negócio. É simples. Quanto melhor for a exposição dos produtos, melhor o resultado da drogaria. Móveis próprios para farmácias permitem o gerenciamento por categoria com mais facilidade e chamam a atenção do consumidor estrategicamente, de acordo com o projeto de exposição de produtos na loja.

7 – Utilizar uma localização estratégica na drogaria

No projeto da drogaria é preciso considerar a localização de cada categoria na loja. Uma farmácia bem planejada consegue fazer com que o consumidor circule por locais estratégicos, de acordo com o perfil de cada consumidor. A rota do cliente na loja deve ser levada em conta na hora de pensar onde colocar cada categoria de produtos.

8 – Separar a exposição por sintoma

O gerenciamento por categoria é fundamental. Seja na exposição de medicamentos ou perfumaria, ele deve ser utilizado. Produtos relacionados ao mesmo sintoma devem estar próximos nas gôndolas e prateleiras. Assim o consumidor consegue encontrar com maior facilidade o que necessita.

E isso também serve para itens de perfumaria e higiene. Categorias relacionadas devem estar próximas nas gôndolas. O gerenciamento por categoria pode ser pensado em todas as áreas da loja.

9 – Melhorar a experiência de compra com uma boa sinalização

Além do mobiliário e da exposição dos produtos, a comunicação da farmácia é muito importante para o consumidor encontrar o que busca na loja. Testeiras e divisórias que sinalizam a localização das categorias na farmácia permitem que o cliente localize o que deseja com mais facilidade.

Boa comunicação na farmácia é essencial para se relacionar com o cliente

Não se atentar a esses itens dificulta a experiência de compra do cliente na farmácia. Diferentemente dos medicamentos RX (receituário médico), que são o principal motivo da visita do cliente à farmácia, os MIPs apresentam alto índice de compra por impulso. Por conta disso, é fundamental deixar esses produtos expostos no autosserviço, pois assim o cliente irá lembrar de comprar e abastecer a farmacinha de casa.

O autosserviço deve ser a principal área da farmácia. É nela que o consumidor circula e procura pelos itens que necessita. Além dos medicamentos do balcão, prepare a sua loja para oferecer o que o cliente busca e facilite a experiência de compra.

Invista no autosserviço na sua farmácia e obtenha melhores resultados no varejo farmacêutico!

Acesse nossos materiais gratuitos para baixar e saiba como a Farmarcas tem incentivado o crescimento e o apoio ao empreendedor do varejo farmacêutico no caminho ao sucesso.

Estratégias de Expansão para Farmácias


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *