Benefícios do controle financeiro
Benefícios do controle financeiro

Publicado por brenno • 4 de julho de 2019

Entenda os benefícios de ter um controle financeiro da farmácia

Ter um bom controle financeiro da farmácia é muito importante para que todos os dados estejam corretos e possibilitem uma análise assertiva sobre a realidade do negócio. Isso porque muitas decisões importantes que o gestor toma em relação à farmácia são baseadas nos números dos relatórios.

As informações obtidas por meio do controle financeiro da farmácia têm papel fundamental nas atividades do dia a dia da loja, principalmente em relação aos pagamentos, que precisam ser efetuados dentro dos prazos.

O controle financeiro da farmácia tem como base o registro de todas as entradas e saídas de valores da empresa. Por isso, o fluxo de caixa está diretamente relacionado com o controle das finanças do negócio.

Dessa forma, o registro de entrada e saída de valores precisa ser feito com agilidade e segurança das informações, para evitar erros de análise e prejuízos ao negócio.

Sistemas automatizados ou planilhas eletrônicas?

Para ter um bom controle financeiro da farmácia, o gestor precisa ter um sistema eficaz que proporcione facilidade de inserção dos dados e agilidade na formatação dos relatórios. Em geral, os sistemas automatizados são essenciais para ter sucesso no varejo farmacêutico.

Há muitas farmácias que ainda utilizam planilhas eletrônicas para efetuar o controle dos registros. Porém, a utilização de métodos manuais pode dificultar o trabalho do gestor. Isso porque a movimentação financeira de uma farmácia possui um alto grau de complexidade e sistemas que não são automatizados podem tornar a análise mais trabalhosa e com maior probabilidade de erros.

9 dicas para desenvolver a gestão financeira da farmácia com eficiência

Tipos de controle financeiro da farmácia

Para ter uma drogaria de sucesso, é muito importante o gestor conhecer os principais tipos de controle financeiro da farmácia. São eles:

Movimento de Caixa

É o fluxo de dinheiro que entra e sai do caixa em um determinado período. Todos os registros devem ser contabilizados no sistema para o gestor ter total controle de todos os valores utilizados da empresa e também do saldo em caixa.

Contas a Pagar

São as obrigações financeiras que a empresa precisa cumprir. Podem ser desde os gastos menores com artigos para a copa, como café e açúcar, até despesas maiores, como custos fixos de aluguel, luz e água. Nessa categoria também são incluídos os pagamentos para fornecedores de produtos e serviços contratados para a loja.

Contas a Receber

São as entradas de valores realizadas ou prevista no caixa da empresa. Todas as vendas realizadas na drogaria são contabilizadas no Contas a Receber, assim como outras receitas que a empresa tenha para receber.

Controle Bancário

É a verificação de toda a movimentação bancária da empresa. Por meio da checagem do extrato bancário, o gestor consegue saber se os registros e valores foram foram compensados na conta da empresa.

Fluxo de Caixa

É a movimentação de entrada e saída de dinheiro do caixa. Nesse caso, usar um sistema automatizado é um fator primordial para manter o controle de todos os registros, assim como obter relatórios de forma rápida e eficaz para fazer a análise periódica.

Saiba como melhorar o fluxo de caixa da farmácia

Apuração de Resultados

É o cruzamento das receitas e despesas para determinar o resultado líquido em um determinado período. A apuração pode ser feita mensalmente pelo gestor.

A organização dos registros por tipos de controle financeiro da farmácia auxilia o gestor na tomada de decisão no negócio. Por meio da análise das informações é possível compreender a situação real da farmácia e quais os problemas ocorrem para efetuar os ajustes necessários.

Saiba como organizar as contas da farmácia

Conciliação Bancária e Fluxo de Caixa

Um bom controle financeiro da farmácia deve passar pela conciliação bancária. O gestor precisa analisar todos os lançamentos no sistema e comparar com os registros feitos no extrato bancário. Dessa forma, é possível perceber se houve algum erro de entrada ou saída de valores, além de saber qual é o saldo disponível na empresa.

Para fazer a conciliação bancária na drogaria é preciso:

  • Inserir diariamente no sistema todos os registros de entradas e saídas de valores, ou seja, todos os pagamentos efetuados e as vendas realizadas na drogaria;
  • Obter um extrato referente ao período a ser analisado;
  • Comparar um a um todos os valores do extrato com os registros feitos no sistema.

Após a análise das informações, todas as inconsistências encontradas devem ser verificadas e corrigidas o mais rápido possível, para que os resultados no final do mês não sejam comprometidos.

Fazer o controle financeiro da farmácia é uma tarefa que requer muita atenção do gestor.  Isso porque trata-se de um processo que influencia diretamente na visão geral do negócio. Se o gestor conhece as finanças da farmácia, terá mais condições para planejar suas compras, garantir um saldo positivo no caixa e tomar decisões estratégicas para evoluir o negócio.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentários

  • Ótimo

    • Vania says:

      Olá, Geofabio! Agradecemos os elogios. Sempre que quiser, envie sugestões de assuntos para abordarmos nos próximos conteúdos.