Publicado por Farmarcas • 20 de maio de 2020

O que incluir na rotina de limpeza e desinfecção da farmácia durante a pandemia

Durante a pandemia é imprescindível manter uma rotina de limpeza e desinfecção dos ambientes da farmácia. Além do protocolo respiratório, de distanciamento no atendimento ao cliente, uso de máscara e higienização das mãos, é preciso cuidar para que todas as áreas da farmácia estejam livres de contaminações.

Como a Covid-19 pode ser transmitida por meio de gotículas e contato, a rotina de limpeza e desinfecção da farmácia deve abranger todas as áreas e objetos que recebem contato dos clientes ou dos funcionários. Além disso, a equipe de limpeza deve estar paramentada adequadamente para manipulação dos produtos de limpeza.

Mantenha o ambiente ventilado

Facilite a circulação do ar ao longo do dia em todos os ambientes da farmácia. Abra portas e janelas para manter o ambiente ventilado. Se possível, ligue o ventilador mecânico por no mínimo 30 minutos duas vezes ao dia.

Use álcool líquido 70%

A cada duas horas, faça a limpeza nas áreas de circulação e também em objetos como telefones, computadores, teclados, mouses, caixa registradora, balança, mesas, cadeiras, corrimões, balcões, mesas, maçanetas e cestinhas utilizadas pelos clientes.

Higienize os objetos após cada atendimento

Se você presta serviços de assistência farmacêutica e utiliza instrumentos clínicos, como termômetros, estetoscópios, glicosímetros, aparelho de pressão, balança de bioimpedância, lembre-se de higienizá-los com álcool líquido 70% após cada atendimento. O uso de EPIs também é indispensável para os atendimentos.

Faça a limpeza das grandes superfícies

Estabeleça uma rotina de limpeza e desinfecção da farmácia específica para grandes superfícies, como chão, banheiros, refrigeradores, lockers e equipamento de ar condicionado. Essas áreas podem ser higienizadas com desinfetante contendo cloro ativo e/ou solução de hipoclorito 1% no mínimo duas vezes ao dia.

Entre os produtos de limpeza indicados para desinfecção no caso da Covid-19 estão: álcool 70%, solução de hipoclorito 1% e detergentes contendo cloro ativo. Evite usar produtos à base de clorexidina para a antissepsia do local, pois estes não são efetivos contra Covid-19.

Higienize os utensílios usados na limpeza

Depois de cada limpeza, os utensílios como vassouras, panos de chão e rodinhos devem ser higienizados separadamente em uma área reservada na farmácia para esse fim.

Por último, sempre enxágue os utensílios com água após cada utilização. Mergulhe e esterilize tudo com solução desinfetante contendo cloro por 30 minutos. Enxágue novamente com água e depois seque para nova utilização.

Fonte: Conselho Federal de Farmácia

 

Artigos que podem interessar

Dicas para evitar aglomeração de pessoas na farmácia

Seis passos para o seu negócio enfrentar os desafios da pandemia

 

 


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *