Bom atendente na farmácia consegue vender mais
Bom atendente na farmácia consegue vender mais

Publicado por farmarcas • 5 de outubro de 2017

O que é preciso para ser um bom atendente na farmácia

A postura correta de um bom atendente na farmácia é de extrema importância para transmitir ao cliente uma imagem de credibilidade. Ao desenvolver um nível de comunicação de qualidade, um bom atendente na farmácia facilita a jornada de compra do consumidor, o que aumenta o desempenho de vendas do profissional.

É importante que todas as pessoas, sem exceção, sejam bem atendidas e sintam-se à vontade na farmácia. Por conta disso, é fundamental que o profissional saiba se expressar bem física e verbalmente.

Um bom atendente na farmácia deve ficar atento com o uniforme completo da rede para ser reconhecido pelos clientes e para demonstrar organização na loja. Cuidados com a higiene como barba feita ou bem cuidada, mãos e unhas limpas e cabelos cuidados é importante para não afetar a imagem da farmácia.

Postura de um bom atendente na farmácia

Os balconistas devem manter postura ereta, evitar ficar parado (a) de costas para o cliente e não se sentar ou se debruçar em mesas e balcões. Ao falar com alguém, é essencial sempre olhar a pessoa nos olhos, pois transmite segurança e dá mais credibilidade ao atendente na farmácia. Além disso, é indicado evitar gesticular muito e ter sempre um sorriso de simpatia no rosto.

A cordialidade deve ser padrão sempre que os colaboradores forem se comunicar, seja com outro colega de trabalho ou com um cliente. Palavras como “bom dia” ou “boa tarde”, “seja bem-vindo”, entre outros, são fundamentais para o atendimento na farmácia.

Tenha em mente que, apesar da necessidade de seguir essas boas maneiras, cada pessoa pode também dar um toque de personalidade ao atendimento. Assim a comunicação não fica mecânica, repetitiva ou artificial. Dentro de uma loja, o fator humano é muito importante para a fidelização. Afinal, os atendentes se comunicam com pessoas e esses clientes esperam ser atendidos por pessoas também.

No varejo, lidamos com pessoas de diversas culturas, com opiniões e gostos diferentes. Isso traz a necessidade de desenvolver uma sintonia com o interlocutor, oferecendo um atendimento mais próximo do consumidor.

95_vender_mais_treinamento_CallToAction_01


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *